Tempo nublado e temperaturas elevadas devem predominar essa semana em Sergipe


Segundo a Coordenadoria de Meteorologia e Mudanças Climáticas (CMT), da Superintendência Especial de Recursos Hídricos e Meio Ambiente (Serhma), em decorrência do amplo escoamento ciclônico que se vai das regiões Centro Oeste e Norte do país, se estendendo até o interior nordestino, o tempo nublado e com altas temperaturas devem ser predominantes nessa semana no estado .


Para esta quarta-feira,30, a madrugada terá chuvas leves e isoladas em todo o Estado, sendo que pela manhã elas ocorrem nos Territórios da Grande Aracaju, Centro Sul e Sul Sergipano e tempo nublado nos outros cinco. À tarde, há possibilidade de que elas ocorram nos Territórios Agreste Central, Alto Sertão, Baixo São Francisco, Centro Sul, Médio Sertão e Sul Sergipano e tempo parcialmente nublado nos dois restantes e à noite tende a ter tempo nublado ou parcialmente nublado ao longo dos oito territórios sergipanos. As temperaturas no litoral variam de 24,1°C a 31°C, enquanto no interior elas oscilam entre 21°C e 32°C.


A quinta-feira, 31, será de tempo nublado em todo o Estado. No período da manhã, as precipitações ocorrerão no Território do Alto Sertão, porém de forma leve e tempo nublado ou parcialmente nublado nos outros territórios. À tarde, a probabilidade é de céu aberto com poucas nuvens em todo o Estado, enquanto o período noturno tende a ter tempo nublado ou parcialmente nublado ao longo de todo território Sergipano. No litoral os termômetros registram mínimas de 23,3°C e máximas de 30,5°C, já no interior eles marcarão de 19,8°C a 32,1°C. as serão de tempo nublado e temperaturas elevadas em todo o Estado


As temperaturas máximas elevadas, o tempo em sua maior parte nublado e parcialmente nublado da madrugada até à noite e as chuvas pontuais e sem valores consideráveis permanecem em todo o Estado pelos próximos dias.


Segundo a Coordenadoria de Meteorologia e Mudanças Climáticas (CMT) da Superintendência Especial de Recursos Hídricos e Meio Ambiente (Serhma), em decorrência do amplo escoamento ciclônico que se vai das regiões Centro Oeste e Norte do país se estendendo até o interior nordestino contribui para a circulação nebulosa de densidade moderada sem presença de instabilidades atmosféricas e que atua em todo o Estado desde o início do Outono, caracterizando céu parcialmente nublado e o aquecimento diurno.



Fonte: ASN