Saúde de Aracaju não aplicou doses vencidas da vacina


Repercutiu em todo o país a noticia de que doses da vacina contra a covid-19 da AstraZeneca vencidas foram distribuídas. De acordo com a assessoria de comunicação da Secretaria Municipal de Saúde de Aracaju, nenhum dos imunizantes fora do prazo foi aplicado entre os habitantes da capital.


A instituição disse que o lote 4120Z005 de AstraZeneca foi recebido em janeiro, com validade de 14 de abril, e com 12.300 doses. Todos os imunizantes desse lote foram utilizados até 6 de abril, dentro do prazo de validade estabelecido pelo fabricante.


De acordo com informações do Jornal “Folha de São Paulo”, houve um erro de digitação da única dose apontada como fora do prazo de validade. A funcionária da sala de vacinas registrou o número de lote correto no cartão do usuário. No entanto o número no Sistema estava errado. O dado causou inconsistência nas informações.


A Saúde da capital também informou que os lotes das vacinas administradas são anotados no cartão de vacinação. As pessoas que tiverem dúvidas podem procurar uma Unidade Básica de Saúde.


Sobre o assunto, a Secretaria de Estado da Saúde também emitiu nota. A gestão disse que realiza um trabalho minucioso de conferência dos lotes de vacinas e que orientou os municípios a realizarem a busca no banco de dados para identificação se de fato ocorreu a aplicação de doses vencidas. A Saúde Estadual analisa o fato como um erro de registro, uma vez que a informação trazida na reportagem se refere a aplicação, em alguns municípios, de apenas uma dose vencida.



Portal C8 Notícias

Foto: Arquivo SES