Procon Aracaju realiza fiscalização em lojas de cosméticos


O Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Aracaju) divulgou uma nova pesquisa de fiscalização em perfumarias e lojas de cosmético da capital. A avaliação tem o objetivo de observar como estão os preços dos produtos à venda, o prazo de validade desses produtos e a disponibilização do Código de Defesa do Consumidor.


O Coordenador do Procon Aracaju, Igor Lopes, alerta as pessoas sobre os valores dos produtos nas lojas. "Também orientamos os fornecedores quanto a necessidade de informar, previamente, aos consumidores, possíveis diferenciações de preços a partir da forma de pagamento", orienta.


Além disso, também houve a verificação de aspectos que impactam a saúde e integridade física do consumidor. "Verificamos se os produtos estavam próprios para consumo, com atenção especial à data de validade", explicou.


Referente à distribuição de amostras grátis, o órgão dialogou com os comerciantes sobre esta apresentação aos consumidores. "Orientamos os lojistas que essa entrega de produtos, com reserva de amostra grátis, não exclui a responsabilidade do fornecedor, caso esse tipo de produto cause prejuízos ao consumidor", afirmou Igor.


Para tirar dúvidas ou registrar denúncias, o Procon Aracaju pode ser acionado através do SAC 151 ou por meio do número telefônico 79 3179-6040, em dias úteis, de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h. A solicitação também pode ser encaminhada pelo e-mail procon@aracaju.se.gov.br.



Portal C8 Notícias

Foto: Alda Santiago