Procon Aracaju intensifica fiscalizações em agências bancárias


O Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Aracaju) segue a rotina de investigação de denúncias e fiscalizações, em vários segmentos do comércio. Entre os locais verificados estão às agências bancárias. Nos locais, os agentes orientam os consumidores sobre as condições de atendimentos e a permanência em filas.


Segundo o Coordenador do Procon Aracaju, Igor Lopes, durante este ano, algumas sanções administrativas foram destinadas às agências bancárias que não cumpriram o atendimento prioritário, previsto em lei. “Muitas pessoas, a exemplo de idosos, gestantes, lactantes e pessoas obesas não estavam recebendo o atendimento. Elas são os que possuem a garantia de prioridade” lembrou.


A pessoa que se sentir lesada durante o serviço das agências pode procurar o Procon. Atualmente, há uma lei que regulamenta o tempo de espera nas agências. “Desde 2007, uma lei regulamenta o tempo máximo de espera em 15 minutos, em dias convencionais, e 30 min para atendimentos em dias de pagamento de servidores públicos municipais, estaduais e federais, além dos dias que antecedem ou sucedem feriados prolongados”, explicou Igor.


O Banco Central limitou o número máximo de circulação de pessoas e servidores durante a pandemia. Mas, mesmo com as mudanças ainda é preciso manter um nível de satisfação. “Em que pese a existência da lei, ainda é possível cobrar um atendimento digno. É obrigação das agências bancárias prestarem um serviço de qualidade aos consumidores que, porventura, escolham ser atendidos de maneira presencial”, afirma o Coordenador do Procon Aracaju.


Ainda na questão da pandemia, ,os clientes são orientados a usar o serviço remoto, a fim de evitar aglomerações em locais fechados, como as agências. “Para evitar o enfrentamento de grandes filas, os consumidores podem optar por fazer uso das plataformas de autoatendimento fornecidas pelos bancos, através de aplicativos para celular ou via site”, detalhou Igor.


Em caso de reclamação, os cidadãos podem entrar em contato com o Procon, através do SAC 151 e do telefone 3179-6040. Os canais funcionam todos os dias úteis, das 8h às 13h, finaliza. A instituição está localizada na Avenida Barão de Maruim, 867, Bairro São José.



Portal C8 Notícias

Foto: Procon Aracaju