Pai e madrasta são indiciados por violência


A Polícia Civil de Ribeirópolis concluiu o inquérito policial e indiciou Cleberton dos Santos e Angélica de Jesus Santos pelos crimes de lesão corporal, maus-tratos e tortura. As ações foram praticadas contra uma criança de sete anos pelo pai e pela madrasta. As investigações foram concluídas nesta sexta-feira, 26.

De acordo com o delegado Gregório Bezerra, a criança apresentava o corpo marcado por lesões e cicatrizes, comprovadas pelo Instituto Médico Legal (IML). “A criança era colocada de joelhos no sal grosso pelo casal e permanecia por horas como forma de castigo. Assim como a madrasta, com beliscões, arrancava pedaços da orelha da vítima”, detalhou.

A ação para o resgate da criança contou com o apoio do Centro de Referência de Assistência Social (Creas), Conselho Tutelar e equipes da Polícia Civil de Ribeirópolis e de Nossa Senhora Aparecida. A Polícia Civil também destaca que informações e denúncias sobre crimes podem ser repassadas por meio do Disque-Denúncia (181).

Ascom SSP