Nove são presos em operação de combate ao tráfico


Nove pessoas foram presas na manhã desta sexta-feira, 29, na Operação Guariba, realizada pelo Departamento de Narcóticos da Polícia Civil de Sergipe (Denarc) para desarticular uma organização criminosa responsável pelo tráfico de drogas nas regiões da Barra dos Coqueiros e conjunto Bugio, na zona norte de Aracaju.


Além das prisões foram apreendidos drogas e veículos. O líder do grupo foi preso em uma casa na Barra dos Coqueiros, onde os investigadores do Denarc cumpriram um mandado de prisão contra ele. No sítio do traficante, em Itaporanga D'Ajuda, os policiais também fizeram buscas a fim de encontrar armas e drogas.



O trabalho faz parte de investigações que duraram cerca de seis meses no Denarc e envolvem traficantes que atuam na capital sergipana. A operação foi deflagrada depois de informações anônimas que chegaram pelo Disque Denúncia 181 e também com o cruzamento de investigações.


O nome da Operação se refere a uma das denominações usadas para classificar o macaco Bugio, animal bastante encontrado originalmente na região onde foi edificado o atual conjunto Bugio, na zona norte de Aracaju. Lá, está a sede do Denarc. "Nós estamos em um combate incessante contra o tráfico de drogas e não vamos permitir que organizações criminosas se estruturem no estado e no conjunto onde está a sede do nosso Departamento", comentou o delegado Hugo Leonardo, que coordena a operação.


O trabalho contou com o apoio da Delegacia da Barra dos Coqueiros, do setor do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa que atua na região da Barra dos Coqueiros, da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core), das Delegacias de Ribeirópolis, Campo do Brito, Itabaiana e Estância, da Delegacia Regional de Lagarto, da Divisão de Inteligência (Dipol), e da Guarda Municipal de Aracaju. As investigações serão mantidas para chegar a outras pessoas. No final da operação, outras informações serão compartilhadas com a imprensa.


Fonte: SSP/SE