“Não importa o meio, mas a qualidade da informação” diz Ancelmo Gois


O Jornalista Ancelmo Gois, colunista do Jornal “O Globo” do Rio de Janeiro, foi o entrevistado do Programa “Linha Direta” na manhã desta quinta-feira, dia 13. O comunicador, sergipano de Frei Paulo, está em Aracaju para participar de uma premiação de Jornalismo do Tribunal de Justiça.


Durante a entrevista, Alcelmo disse que a pandemia o deixou em um momento critico, pois estava isolado e com muitas saudades da terra natal. “Como é bom voltar ao meu estado de Sergipe e a minha cidade de Frei Paulo. Bom poder rever amigos, tomar café com cuscuz original. Enfim, me sinto realizado ao retornar ao meu lugar’, destacou.


Questionado sobre como ser jornalista conceituado no nível nacional em tempos de fake News, Ancelmo Gois destacou que é preciso ouvir as vozes da experiência. “Tive ao longo da minha vida muitas pessoas que me ajudaram a crescer no jornalismo. Desde a época da Gazeta de Sergipe nos anos 60. Nesse período a politica era discutida sim, mas de outra forma, diferente de hoje. Tive a curiosidade de ouvir sábios da época e estou aqui. Digo sempre isso aos mais jovens que estão na área para evitar essa avalanche de falsas informações”, comentou.


Ele também comentou sobre a rapidez como a noticia chega por meio de sites e redes sociais. Para o Jornalista, é preciso acompanhar a evolução dos tempos. “Eu fui um dos primeiros jornalistas do país a usar a internet como emissor de meus artigos. Hoje em dia vejo que a velocidade da comunicação é impressionante. Mas sempre digo que não importa o meio. Se será via blog, rede social ou ate mesmo meios tradicionais, a qualidade da informação é o que importa”, detalhou Ancelmo.


Ao final, ele afirmou que essa mudança, diferente do seu inicio, será uma constante. “É caminho sem volta. Temos que nos adaptar. É em definitivo que a informação vai passar por grandes e rápidas informações. Mas uma coisa e essencial, que ela chegue ao publico de forma clara e verdadeira”, alegou o colunista de “O Globo”.



Portal C8 Notícias

Foto: João Miguel Júnior/Memória Globo