“Mais de 5 mil pessoas serão beneficiadas com auxílio municipal”, diz Secretária


O Programa “Linha Direta” desta sexta-feira, dia 02, entrevistou a Secretária de Assistência Social de Aracaju, Simone Passos. Ela foi questionada sobre os cartões do auxílio emergencial que servirão para mais de 5 mil aracajuanos cadastrados, além do acolhimento dos moradores de rua e de ocupações.


Simone Passos lembrou que o cartão já está sendo entregue nos endereços informados pelas pessoas. “Serão 5 mil famílias que serão beneficiadas. Elas estão em vulnerabilidade. Devido a pandemia, muitos acabaram sofrendo. O Prefeito Edvaldo Nogueira gerou esse auxílio para dar suporte ao auxílio emergencial do Governo Federal”, alegou.


O valor a ser disponibilizado é de R$ 600, parcelado em três parcelas de R$ 200. “Já estamos entregando os cartões. Só faltam aquelas pessoas que não estão com o cadastro regularizado. Elas podem mudar telefone, por exemplo, e fica desatualizado. Esta é a única dificuldade de momento. Apesar disto, estamos com o projeto bem avançado”, detalhou a secretária.


Simone lembrou que já está sendo paga para muitas famílias a segunda parcela. “A logística do cartão é fácil. Já vem desbloqueado com senha e o crédito. É possível comprar em estabelecimentos de alimentação, farmácia e revenda de gás. O cartão contempla diversos estabelecimentos que são, principalmente, essenciais para o cidadão. Ele não poderá sacar o dinheiro”, afirmou.


A gestora lembra que este mês será creditada a última parcela. “Para quem ainda não recebeu o cartão, já está na conta as duas parcelas anteriores. Só iremos suspender o cartão caso não encontremos as pessoas procuradas. O critério de escolha do benefício foi estar no Cadastro Único do Governo Federal, residir em Aracaju, estar na linha da pobreza ou demais critérios que se encaixem”, destacou Simone Passos.


Perguntada sobre a vacinação da covid-19 entre os moradores de rua, a secretaria disse que está sendo responsável pelo trabalho. “Estamos gerenciando junto a Secretaria de saúde. E desde já parabenizamos pelo trabalho. O morador de rua é muito vulnerável, mas todos já estão sendo imunizados”, pontuou.


Com relação a ocupação João Mulungu, Simone Passos disse que todos já estão em abrigos. “Muitos já foram para estabelecimentos da nossa gestão. Realizamos o cadastro para futuras habitações e a boa parte tem aluguel social. Temos uma média de 500 a 600 pessoas morando nas ruas, mas aí temos que ver de onde são, pois temos pessoas de Aracaju, Barra dos Coqueiros, Nossa Senhora do Socorro e São Cristóvão. Por isso temos todo um cuidado para ver essa relação”, explicou.


As pessoas que desejam tirar dúvidas sobre o cartão de benefício emergencial da Prefeitura de Aracaju podem entrar em contato com os telefones 3711-5011 ou 9 8115 -7101.




Portal C8 Notícias

Foto: Marcelle Cristinne