Justiça absolve dois suspeitos da morte de Cláudio Rotay



Terminou no fim da noite desta terça-feira, dia 02, o júri popular sobre a morte do Radialista Cláudio Rotay, assassinado em 2002 no município de Pedrinhas, na região Sul de Sergipe. Após algumas horas de julgamento, dois suspeitos do caso foram inocentados. Entre eles está ex-prefeito de Tobias Barreto Diógenes Almeida.


Cláudio Rotay foi morto no dia 17 de junho de 2002, quando estava em um bar. Três homens que passavam de moto atiraram. Além do radialista, que na época era pré-candidato a Deputado Estadual, um dos seguranças dele também perdeu a vida e outro ficou ferido.


Na época, Rotay apresentava programa de rádio, mostrando as ameaças que recebia. Depois de mais de 10 horas de julgamento o ex-prefeito de Tobias Barreto foi inocentado, juntamente com um homem conhecido como José Pereira de Souza.



Portal C8 Notícias

Foto: Google Earth/divulgação