João Daniel acredita na unidade do grupo para 2022


Durante o Programa “Linha Direta” desta quinta-feira, dia 13, Jairo Alves de Almeida e Cláudio Leite entrevistaram o Deputado Federal João Daniel do PT. O parlamentar comentou sobre diversos assuntos, a exemplo de organização do partido no estado, nomes para 2022 e CPI da covid-19 no Senado.


A primeira questão apresentada foi sobre a arrumação da sigla em Sergipe. De acordo com João Daniel, que também é Presidente do Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores, a intenção do grupo é retomar um projeto de crescimento do país que foi interrompido. “Nosso partido surgiu com o combate ao regime militar. Sempre lutamos contra as injustiças. Aos poucos conseguimos reverter isso com as administrações do PT, mas tudo foi cortado com o golpe contra a Presidente Dilma Rousseff. Na verdade, o golpe foi contra o povo brasileiro”, declarou.


Com relação a gestão de Jair Bolsonaro, o parlamentar afirma que ele não tem projeto de país e que não gerencia a favor da vida das pessoas. “O presidente literalmente está sem rumo para o Brasil. E sobre a pandemia ele atua contra a ciência, a pesquisa e a defesa da vida. Bolsonaro foi eleito devido a falsa ideia de que tudo na politica é ruim. Queremos retomar o debate de construção da boa política, que se comprometa com o povo em todos os sentidos”, explicou João Daniel.


Questionado sobre o cenário para 2022, o deputado sergipano disse que tudo vai depender do posicionamento do ex-presidente Lula, pretenso pré-candidato da sigla. “Após a revisão do STF sobre a condenação injusta contra ele, queremos que Lula esteja à frente da disputa. Com relação a Sergipe, devemos ter o nome de Rogério Carvalho, com apoio do atual Governador Belivaldo Chagas. Semana que vem já vamos discutir esse assunto com a direção estadual. Todos conversam sobre política, mas definição mesmo só no ano que vem”, destacou.


O deputado afirmou que nos últimos processos eleitorais o Partido dos Trabalhadores apoiou as demais siglas e gostaria que, da mesma forma, o PT fosse reconhecido, caso possa indicar nome para chapa majoritária. Perguntado sobre um possível racha entre PSD, PDT e partes do PT, João Daniel acredita que isto não ocorrerá. “Para fortalecer a democracia, devemos estar alinhados com um projeto nacional. E isso também passa por Sergipe”, confessou o parlamentar.


João Daniel também falou sobre a CPI da covid-19. Segundo ele, a expectativa é que tudo seja esclarecido o quanto antes. “Queremos ver quem está com a razão e quem falhou no combate a pandemia. É preciso investigar profundamente o Governo Federal. Não tem mais condições que tudo isso passe e só o povo segue prejudicado com a doença”, completou. Sobre uma CPI na Alese, ele afirma que poderia ter sim. “Se a Assembleia de Sergipe achar que deve investigar, não vejo problemas”, finalizou.


Portal C8 Notícias


Foto: Gustavo Bezerra / Site do Deputado