Homem que invadiu prefeitura de Laranjeiras e manteve mulher refém é preso




Depois de duas horas de negociações se entregou a policia o homem que invadiu a prefeitura de Laranjeiras e fez uma funcionária refém no final da manhã de hoje. Ele foi identificado como Jonathas Correia Santos, conhecido como "Chiclete". Após um trabalho de negociação, ele se entregou e não houve feridos. O caso foi registrado como extorsão mediante sequestro.


A ocorrência foi acompanhada pelo Comando de Operações Especiais (COE) da PM e as negociações foram conduzidas pelo negociador da segurança pública, tenente-coronel Marcos Carvalho. O trabalho também foi acompanhado pelo Centro de Operações Policiais Especiais (Cope).


O comandante do policiamento militar da capital, coronel José Moura Neto, detalhou que o homem apresentava nervosismo. "Inicialmente, ele estava muito nervoso, mas começamos a verbalizar e ele ficou mais tranquilo. A cada passo tinha uma exigência nossa e culminou com a entrega dele sem ferimentos, quer seja dele ou da vítima", acrescentou.


O homem mantinha uma faca e enviava mensagens para contatos da vítima. "Ele estava com uma arma grande aparentando ser um facão e de posse de um telefone celular da vítima e ficava mandando mensagens para as pessoas pedindo ajuda. A mãe dele informou que ele estava passando por dificuldades financeiras", informou. Após ele se entregar, foi conduzido para delegacia, onde foi feito o auto de prisão em flagrante.


Foto: redes socials