Governo libera aulas, serviços não-essenciais e eventos


No começo da tarde desta quinta-feira, dia 1°, o Governador Belivaldo Chagas anunciou um novo decreto sobre a situação da pandemia da covid-19 no estado. Juntamente com o comitê técnico-científico, ficou decidido que está autorizado o funcionamento de serviços não-essenciais e eventos, todos os dias semana, desde que com 50% da capacidade.


De acordo com o Superintendente de Comunicação do Governo do Estado, Givaldo Ricardo, o comitê identificou uma redução de óbitos e de internações. A queda é a maior já registrada nos últimos 3 meses. “Já se percebe uma boa redução de casos e mortes provocadas pela pandemia. Além disto, já temos 33% dos sergipanos com a primeira dose e 10% com a segunda”, destacou.


Apesar desta flexibilização, o toque de recolher entre quinta e sábado foi mantido. A capacidade das Igrejas passa de 30% para 50%. Sobre a fiscalização, foi colocada a responsabilidade para cada um dos 75 municípios do estado.


Eventos com até 200 pessoas poderão funcionar em locais fechados. Já em locais abertos poderá contar com até 300 pessoas. Atividades que possam exceder o máximo permitido deverão ser autorizados mediante parecer da Secretaria de Estado da Saúde. Realização de shows, blocos e micaretas seguem proibidos.


O comitê também anunciou a permissão da volta as aulas presenciais nas redes públicas e privadas. Cada escola deverá elaborar seu protocolo de funcionamento, com a exigência de máscara e distanciamento na sala de aula e demais pontos dos estabelecimentos de ensino. Também estão permitidas a realização de cursos profissionalizantes, preparativo do Enem, aulas de idiomas, entre outros.


Sobre os eventos de cunho esportivo, como jogos de futebol, eles seguem sendo realizados, desde que com todos os protocolos de segurança e sem a presença de torcedores. Da mesma forma poderão ser realizadas as tradicionais vaquejadas, também sem público.



O que já pode funcionar:

  • 03/07: fica permitida a abertura de bares e restaurantes e serviços não essenciais aos finais de semana, com 50% da capacidade

  • 03/07: fica liberado o acesso a praias e parques;

  • 10/07: estão liberados eventos fechados com 200 pessoas e abertos com 300;

  • 21/07: retorno das aulas presenciais da rede privada;

  • 17/08: retorno das aulas presenciais da rede pública.


Portal C8 Notícias

Foto: Mário Souza / Supec