“Edvaldo é um grande parceiro e me apoia sempre”, diz Katarina Feitoza


Na manhã desta sexta-feira, dia 13, a Vice-Prefeita de Aracaju, Katarina Feitoza, participou do Programa “Linha Direta” com Jairo Alves de Almeida. Ela destacou o trabalho na administração da capital, comentou sobre protagonismo político da mulher e também falou sobre sua atuação para o momento político deste ano.


No começo Katarina destacou a sua atividade como Vice-Prefeita da capital e principal cidade de Sergipe. No entendimento dela, está sendo um momento de aprendizado. “Desde quando assumi o cargo tive o apoio de todos, a começar do companheiro Prefeito Edvaldo Nogueira. Depois o diálogo com todas as pessoas que fazem parte das Secretarias. Com Maria Cecília da Educação e Alan Lemos do Meio Ambiente, tive bons contatos. Assim pude descobrir um pouco mais do que é gerir uma cidade como Aracaju”, comentou.


Perguntada se está caminhando pelas comunidades, ela disse que continua descobrindo muito mais que a cidade. “Pude conhecer nesse tempo as pessoas, as histórias de vida e como nós, como poder municipal, podemos melhorar a vida de cada um. Encarar a municipalidade é um constante desafio, mas vamos seguindo em frente”, explicou a Vice-Prefeita.


Katarina Feitoza também destacou a importância do protagonismo da mulher na política. Para a gestora, o público feminino deve sim ocupar os espaços s. “O país em si aos poucos está vendo para este lado da mulher na politica. É preciso mais mulheres que tenham a determinação de estar no meio político, debatendo e discutindo de igual pra igual. Atualmente em Aracaju tenho o apoio de todos os gestores. E assim vamos construindo nossa trajetória”, pontuou.


Perguntada como seria a sua atuação no pleito deste ano, Katarina confessor que é pré-candidata ao cargo de Deputada Federal pelo Partido Social Democrata. Voltando a falar da mulher na política, ela lembrou que Sergipe até hoje não teve uma parlamentar na Câmara. “Por isso que chamo a atenção de cada vez mais as mulheres estarem em busca da política. Elas podem sim estar onde elas desejarem, incluindo no parlamento. Podemos sempre fazer mais”, afirmou.


Em 2018, após o resultado do Segundo Turno, a Vice-Prefeita disse que estaria atuando em todas as áreas da gestão e não apenas na parte de segurança. Ao recordar do fato, Katarina disse que, apesar da experiência na área, está cada dia mais gestora de todas as áreas da capital. “Sou delegada por formação e tenho muito orgulho do distintivo que carrego e da instituição atuo, apesar de afastada no momento. Fazer uma relação é natural. Sabemos dos problemas, mas temos também trabalhos para solucionar questões da Guarda Municipal. Sou favorável e já tem projetos no Congresso para municipalização da segurança. Isso é um fato. Mas lembro de que segurança pública não é feita só de policia. Não podemos ficar toda uma vida enxugando gelo. É preciso melhorias em toas as áreas”, detalhou.


Perguntada se o Prefeito Edvaldo Nogueira teria aprovado a sua saída do cargo para a pré-candidatura, ela afirmou que conta com o apoio dele. “Estou no PSD, que não é um partido do Prefeito. Mesmo assim ele é um grande parceiro. É um mestre e venho aprendendo muito como ele. Enquanto mulher e ser humano, ele me respeita sempre. É um amigo de todos os momentos. Agora que o conheço mais de perto, tenho mais apreço. É natural ele apoiar os nomes do partido dele, mas somos todo o mesmo agrupamento. Não podemos descartar uma amizade devido às siglas”, alegou.


Ai final a pré-candidata falou sobre a decisão de Belivaldo de escolher Fábio Mitidieri para ser o nome para pré-candidatura ao Governo do Estado. Na época houve declaração do Prefeito e, então, propenso pré-candidato Edvaldo. Para Katarina, isso já é uma pagina virada. “Não tive decisão direta naqueles encontros, mas não tenho o que destacar. Agora estamos em outro momento. Agora a meta é buscar consolidação e olhar o futuro. Trabalhamos nas pré-candidaturas. Fábio é inteligente e tem consenso. Edvaldo já está articulando apoios. Falar do que foi no passado pra mim já está distante”, finalizou Katarina Feitoza.



Portal C8 Notícias

Foto: Assessoria de imprensa