top of page

Dom José Genivaldo Garcia é ordenado novo Bispo da Igreja


A tarde de sábado, 11 de fevereiro, Festa de Nossa Senhora de Lourdes, foi marcada pela Ordenação Episcopal do Monsenhor José Genivaldo Garcia. O ato religioso reuniu milhares de pessoas, entre Arcebispos, Bispos, Padres e fieis no Ginásio de Esportes Constâncio Vieira, na zona sul da capital.


A cerimônia foi presidida pelo Arcebispo Emérito de Aracaju, Dom José Palmeira Lessa. Ele destacou que o atual Dom Genivaldo tem a grande vocação de levar a Palavra de Deus. “Quando fui escolhido para ser Arcebispo da Arquidiocese o conheci com apenas 3 anos de padre. Já percebi um grande pregador e com destaque na comunidade onde atuava. Dali já percebíamos um futuro promissor. E estamos vendo hoje a graça de Deus agindo na vida dele e na da Arquidiocese”, descreveu.


O Arcebispo de Aracaju, Dom João José Costa também ressaltou a importância da ordenação de Dom José Genivaldo. “Nossa Arquidiocese foi agraciada com um exímio sacerdote. E agora ele é mais um Bispo da nossa Igreja. Que Deus possa sempre o iluminar e somos eternamente gratos pelos trabalhos desenvolvidos aqui”, destacou.


Outro membro do episcopado que esteve na ordenação foi Dom Marcony Vinícius Ferreira, Arcebispo do Ordinariato Militar do Brasil. “Tivemos um grande convívio quando Dom Genivaldo teve um grande momento de estudos em Brasília. Para a Igreja de Deus é um momento ímpar. E para a Arquidiocese onde ele sempre atuou mais ainda. Que Deus ilumine o, agora, meu irmão no episcopado”, comentou o religioso.


O Bispo de Campina Grande, Dom Ducênio Fontes de Matos, destacou a vida do Dom Genivaldo. “Quando fui Bispo Auxiliar de Aracaju, tínhamos grandes momentos de encontro e diálogo. Sempre percebi um grande sacerdote para o povo de Deus. Agora ele foi para minha Diocese de origem. Como bom lagartense desejo sucesso e as graças de Deus em seu novo caminho”, pontuou.


A Missa de Ordenação contou com as músicas da Banda Comunidade que Canta. O grupo foi criado pelo então Padre Genivaldo, quando ele estava na Paróquia de São Francisco de Assis no Santos Dumont. “Além de nosso grupo, ele foi um dos grandes sacerdotes que criaram vários movimentos na comunidade. A ele toda nossa eterna gratidão e que o Senhor possa iluminar na caminhada”, comentou Elias Gomes, cantor da banda.


Além dos paroquianos de Bom Jesus dos Navegantes, a solenidade também contou com os futuros diocesanos de Estância. A Advogada e membro do “Movimento Serra”, Zelia Fortes disse que estava feliz com a nomeação de Dom Genivaldo. “Desejo a ele muitos anos de missão, agora em uma nova diocese”, destacou. Já o Padre Jodeclan Rabelo de Nossa Senhora Imperatriz dos Campos em Tobias Barreto descreveu o momento como abençoado. “Há um bom tempo estávamos sem Bispo e em constante oração. Eis que Deus ouviu nossas preces e agora Dom Genivaldo irá ser o nosso pastor”, afirmou.


O Clero da Arquidiocese de Aracaju também se fez presente. “Estamos todos aqui para dar Graças a Deus pelo nosso irmão Padre Genivaldo que agora é Bispo e que vai pastorear em outro lugar, sempre levando a sua mensagem”, declarou o representante do Clero na Arquidiocese, Padre Jadilson Andrade. Já para o Diretor-Executivo da Rede Cultura, Padre Marcelo Conceição, é um momento de gratidão ao Pai do Céu pela vida de Dom Genivaldo. “Somos agradecidos a Deus nosso Pai por termos o nosso 'Amigo na Fé' por tantos anos na programação da Radio Cultura, com a ‘Hora Católica’. Que Deus o ilumine e abençoe sempre”, completou.


Os pais de Dom José Genivaldo estavam diante do altar da ordenação e se emocionaram com o ato religioso. “Sou muito feliz por ter meu filho agora como Bispo. Que ele siga sempre iluminado”, descreveu Everaldina Garcia. Para o senhor Júlio Garcia, foi mais um momento de gratidão a Deus. “Felicidade me define em ter um filho no caminho do Senhor. Somos felizes”, declarou.


Dom José Genivaldo Garcia tem 54 anos. Natural da cidade de Cumbe, no médio sertão de Sergipe, foi criado em São Miguel do Aleixo. Sua ordenação aconteceu em 08 de janeiro de 1994. Atuou em 4 paróquias, além de fazer parte de Conselhos da Arquidiocese de Aracaju. Também é Professor no Seminário Maior Nossa Senhora da Conceição. Para o novo Bispo, o momento é de eterna gratidão a Deus. “Sou apenas um instrumento nas mãos de nosso Pai. Que Ele continue a nos guiar e a iluminar esta nova fase da missão”, respondeu.


A posse de Dom José Genivaldo como novo Bispo da Diocese de Estância está marcada para acontecer no dia 25 de fevereiro. O ato vai acontecer na Catedral de Nossa Senhora de Guadalupe às 17 horas.




Por Rozendo Aragão

Redação C8

Fotos: Jeanne Gally/Rozendo Aragão

bottom of page