“Continuaremos à frente, pois a sigla tem propostas para o futuro”, diz Magno Correia


Na manhã desta segunda-feira, dia 14, o “Linha Direta” entrevistou o Pré-candidato a Senador pelo Cidadania de Sergipe, Magno Correa. Ele comentou sobre a iniciativa de se lançar no meio da politica, a ideia do partido em ter 2 nomes ao Senado e sobre o comportamento da sigla com a saída do Senador Alessandro Vieira.


Formado na área de Letras e Direito, Magno Correia tem também Pós-Graduação em Gestão. Na área política ele atuou junto a assessoria do Dr. Emerson em 2016. “mas a partir de 2018 comecei a articular definições naquela que é considerada a Eleição da mudança, pois a população cansou dos mesmos nomes que estavam na disputa. Por isso que agora coloquei o nome para uma possibilidade de troca de ideias”, pontuou.


O Cidadania já havia lançado o nome de Adir Machado para o Senado. Questionado se houve ruptura, Magno afirmou que isso não procede. “Desde novembro que já vínhamos com esse pensamento. Isso mostra o quanto temos de democracia no Cidadania”, descreveu.

Perguntado sobre como seria a disputa deste ano, o pré-candidato ao Senado destacou que o Cidadania irá formar federação com o PSDB. “Já estávamos discutindo essa possibilidade e há uma grande chance de andarmos juntos com o partido. Agora falta algumas negociações para fecharmos a possibilidade real”, definiu Magno.


Sobre a saída do Senador Alessandro Vieira, o Pré-candidato ao Senado da República disse que o Cidadania seguirá firme, apesar da desfiliação. “Teremos candidatos a deputado federal, estadual, ao Governo. Sabemos que Alessandro Vieira é um nome forte. Tanto é que representações do Cidadania em vários estados fizeram moções para que ele permanecesse na sigla. Mas ele decidiu sair. Continuaremos em frente pois o Cidadania tem propostas para o futuro”, alegou.


Ao final Magno Correia disse que o agrupamento seguirá unido e se fortalecerá com a federação prevista com o PSDB. “A tendência será a mesma, de oferecer ao povo sergipano expectativa de mudanças com bons nomes e a unidade continuará no grupo que segue desde 2016”, destacou.




Portal C8 Notícias

Foto: Assessoria/Divulgação