Condutores de ambulância decidem entrar em greve


Nesta segunda-feira, dia 16, os condutores de ambulância do Serviço Móvel de Urgência (Samu) decidiram entrar em greve por tempo indeterminado. Antes, a categoria vai realizar mobilização de advertência no dia 25 de agosto. Caso nada seja solucionado, dia 31 a paralisação é por tempo indeterminado.


Segundo o Presidente do Sindicato dos Condutores do Samu, Robério Batista, a categoria está buscando a recomposição salarial. “Estamos lutando por isto á mais de 9 anos. Era para cobrar isso no ano passado. Mas veio a pandemia e não fizemos ato. Agora com o número de casos e mortes em queda, decidimos cobrar do Governo que pouco liga para categoria. Decidimos fazer um basta”, comentou.


Em nota, o Governo do Estado e a Fundação Hospitalar de Saúde informaram que o ato anunciado não estava previsto. Disse também que no dia 25 no período da manhã, todas as categorias estavam convidadas para discutir na mesa de negociações. A intenção é acertar o acordo coletivo.



Portal C8 Notícias

Foto: Sindconam