Coleta de lixo de Aracaju volta à normalidade


O serviço de coleta de lixo está voltando aos poucos a normalidade. Durante a segunda-feira, dia 13, o trabalho foi prejudicado devido a suspenção de licenças ambientais de aterros sanitários e estações de transbordo de Itaporanga D’Ajuda, Nossa Senhora do Socorro e Rosário do Catete. Os locais recebem boa parte dos resíduos de Aracaju e região.


De acordo com a Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), toda a terça-feira foi dedicada ao reforço da limpeza da capital sergipana. Diversos bairros ficaram sem a coleta de lixo, o que aumentou a demanda.


Na manhã desta terça-feira, o Presidente da Emsurb, Luiz Roberto Dantas, afirmou no Programa “Linha Direta” que todo o esforço seria realizado para que a cidade não fosse prejudicada. “Tivemos 15 horas de paralisação. Isso demanda cerca de 3 dias para regularizar. Aos poucos vamos realizando o serviço até o cronograma normal da coleta”, destacou.


A suspenção da coleta atendeu uma ordem judicial da 18ª Vara Cível de Aracaju solicitada pelo Ministério Público do Estado. Fo alegado que algumas licenças ambientais já estavam perto de vencer e não estavam com a renovação. No fim da noite desta segunda-feira, outra ordem judicial suspendeu a norma anterior. Os pontos de transbordo e aterros voltaram a funcionar normalmente.



Portal C8 Notícias

Foto: Felipe Goettenauer/PMA