Bolsonaro diz que “vai se inteirar” do caso envolvendo agentes da PRF


O Presidente Jair Bolsonaro afirmou que vai acompanhar o caso envolvendo agentes da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe. Nesta quarta-feira, dia 25, um homem morreu em Umbaúba, após ser abordado e inalar um gás que foi disparado na área interna da viatura onde estava detido.


Ao ser questionado por jornalistas sobre o assunto, o líder do Executivo afirmou que não tinha informações precisas, mas que iria acompanhar a situação. “Vou me inteirar com a PRF. É a única coisa que posso fazer agora”, destacou Bolsonaro.


O presidente também lembrou o caso do assassinato de dois agentes da Polícia Rodoviária Federal que foram mortos por um morador de rua no Ceará e também pediu apuração. "Uma coisa é execução. A outra, eu não sei o que aconteceu. A execução, ninguém admite ninguém executar ninguém. Mas não sei o que aconteceu para te dar uma resposta adequada. Vou conversar com a direção da PRF", afirmou.




Portal C8 Notícias

Foto: Agência Brasil