Acese celebra 150 anos nesta quinta-feira


Considerada uma das principais entidades do setor comercial do Estado, a Associação Comercial e Empresarial de Sergipe estará celebrando no dia 26 de maio 150 anos de criação. Durante o Programa “Linha Direta” desta quarta-feira, dia 24, o Presidente da Acese, Marco Pinheiro, destacou as festividades e a importância da instituição no comércio sergipano.


Em sua fala, o líder da Associação Comercial lembrou que o estabelecimento serve desde sua origem para o fortalecimento do comércio. “Apesar de todas as dificuldades atuais, boa parte provocada pela pandemia, a Acese está firme, na luta e na defesa dos grandes, médios e, principalmente, pequenos comerciantes de Sergipe”, comentou Marco Pinheiro.


O líder da Acese relembrou um pouco a origem da organização, que surgiu em 26 de maio de 1872, através da idealização do português Antônio Martins de Almeida. “Na época, vários homens dedicados ao comércio se organizaram para crescerem juntos, em meio à sociedade agricultora. Na época da famosa gripe espanhola, que se assemelhou a pandemia atual, a Acese cedeu um prédio para a Legião Brasileira de Assistência fazer hospital de campanha. Enfim, durante 150 anos a entidade-mãe do comércio formou a história do comércio sergipano, por meio de várias lutas”, afirmou.


Marco Pinheiro aproveitou para relatar como foi a viagem que fez a uma feira do gás na cidade de Houston nos Estados Unidos. Para o gestor, a evento mostrou como a nova energia será fundamental para Sergipe. “Teremos um fundamental papel para o estado, que vai atrair grandes empresas. Que todo o processo sega de aperfeiçoamento para esse cobiçado mercado de trabalho. Esperamos que seja diferente da Petrobrás, que mesmo depois de 40 anos, os municípios permaneceram pobres, apesar dos royalties que as cidades receberam e não repassaram para o cidadão”, destacou.


A luta sobre a questão da “Lei das Fachadas” também foi destacada pelo empresário e líder da Acese. Ele disse que foi um trabalho intenso que, sem a participação da Acese, seria ruim para os pequenos. “Sabemos que é importante disciplinar a publicidade, mas da forma que seria posta, era como se os empresários de pequenas lojas não tivessem como divulgar a sua loja”, lembrou Marco.


Ao final, o Presidente da Associação falou das atividades comemorativas pelos 150 anos. “Nesta quinta-feira faremos uma festa em homenagem a todos os que se dedicaram a Acese. Também serão homenageados os pequenos comerciantes que há anos estão na luta e, principalmente, vamos lembrar os que já nos deixaram e os ‘sobreviventes’ da pandemia. Será um evento à altura para destacar o papel fundamental de nossa entidade”, comentou.




Portal C8 Notícias

Foto: Acese