“A violência deve ser combatida desde a infância”, destacou representante da OAB/SE


A Membro da Comissão de Enfrentamento à Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher da Ordem dos Advogados do Brasil em Sergipe, Juliana Andrade, participou do Programa “Linha Direta” na manhã desta quinta-feira, dia 18. Ela falou sobre um evento, feito para escolas, que tem como foco o combate a violência contra a mulher e a violência doméstica.


Durante a sua fala, a advogada destacou que o ato é de fundamental importância para que o tema seja já discutido junto as crianças. “O foco será os pequenos e também os jovens. Vivemos numa sociedade onde a violência está totalmente disseminada. Por isso que é importante colocar para este publico estudantil, pois a violência está tão perto deles no dia a dia, seja quando o pai bate na mãe ou a mulher, seja mãe ou filha ou demais parentes do sexo feminino”, alegou.


Juliana Andrade destacou que não existe apenas a violência física contra a mulher. “Seja aqueles elogios maldosos, o ‘fiu fiu’ na rua, entre outros termos. É dali que já começa a violência. E dai para descambar para outros tipos é questão de tempo. Pensando nisso, já temos esse pensamento de pontuar junto aos adolescentes sobre essa questão de respeito à mulher”, descreveu.


Outro ponto que a advogada destacou foi o aumento de casos de violência doméstica durante o período de isolamento social na pandemia. “Isso foi visto diante da gente. Muitas pessoas em casa e as tensões aumentando. Muitas mulheres foram vitimadas. Isso as denuncias que chegaram até a gente, fora os casos abafados que algumas donas de casa evitaram ir à delegacia. Precisamos formar nossas crianças e jovens, pois a violência deve ser combatida desde a infância”, comentou Juliana.


Os encontros nas escolas vão acontecer entre os dias 29 e 30 de agosto. “o estabelecimento de ensino que deseja ter essas palestras poderão procurar a OAB Sergipe. Só fazer cadastro e agendamento para que esse tema seja colocado para o público”, finalizou Juliana Andrade.



Portal C8 Notícias

Foto: Assessoria/divulgação